E a edição N43 do São Paulo Fashion Week chegou ao fim! Ontem não pude acompanhar os desfiles ao vivo pois estava em Taubaté para o lançamento da nova loja da Salt e da minha coleção de sapatos (yeah!), mas fiquei de olho em tudo que estava acontecendo e trouxe o melhor desse último dia para vocês.

layla-monteiro-desfile-a-niemeyer-spfw-43-2017

A grife A. Niemeyer, que preza pelo conforto e sofisticação, fez sua estreia no São Paulo Fashion Week. Na passarela reinaram as peças feitas de lã e um trabalho artesanal com tecidos produzidos em tear manual. A cor predominante foi o branco, que apareceu combinado com o off-white. Tons de marrom, laranja e azul completaram a cartela de cores.

layla-monteiro-desfile-amapo-spfw-43-2017

Guiada pela famosa frase “O Brasil é um circo”, a Amapô trouxe uma coleção divertidíssima, bem conceitual e irônica, explorando novas formas em um excelente trabalho de modelagem. O jeans reinou absoluto, quase sempre estampado com poás gigantes, mas outros materiais como o veludo também tiveram seu espaço. Adoro quando a moda foge totalmente do óbvio, se engaja em uma causa e vem com a missão de nos fazer refletir. Arrasou Amapô!

layla-monteiro-desfile-ratier-spfw-43-2017

A Romênia e suas histórias de vampiros foram o ponto de partida para a coleção dark da Ratier. A pegada streetswear característica da marca apareceu com um toque sofisticado e a escolha de tecidos como jacquard, veludo e couro deixou clara essa intenção. Preto e vinho foram as cores predominantes e o branco apareceu discretamente no início do desfile. Ótimas peças para arrasar durante a noite!

POSTS RELACIONADOS